256 visualizações

Elogios e críticas

maio 12, 2023

Emmanuel em sua sabedoria nos oferece duas maravilhosas apreciações, que repasso ao leitor. Selecionei pequenos trechos e indico a fonte para o leitor ler na íntegra. Veja o que selecionei:

a) Se o Sol dependesse da aprovação humana para alimentar a vida (…)
b)
Se a Terra sofresse com as censuras que lhe são constantemente desfechadas (…)
c)
Se a semente rejeitasse a solidão (…) ou (…) Se a árvore só produzisse sob aplausos (…) pois que (…)
d)
se precisamos de elogio para trabalhar e se a admoestação nos paralisa as faculdades de servir, estamos ainda longe de compreender o tesouro das oportunidades de aprimoramento e elevação que nos enriquece os caminhos (…).

Esses itens estão no capítulo 66 – Elogios e Críticas – do livro Segue-me! e se conectam diretamente ao capítulo 67 – Caridade da Paz – do mesmo livro, quando o autor destaca uma virtude ao alcance de todos: “ocultar os próprios aborrecimentos a fim de auxiliar.”

Isso porque se nos expressamos com a face ou a palavra contrariada – à feição de tóxico mental – isso significa um verdadeiro ataque a todos os que se deixam contagiar, espalhando contrariedade e mal estar, como se fosse uma poeira grossa que invada nossa casa.

E então selecionamos também dois trechos do valioso capítulo:

a) Os estados negativos da mente, como sejam tristeza e azedume, angústia ou inconformidade, constituem sombras que o entendimento e a bondade são chamados a dissipar;
b)
Recordemos o donativo da paz que a todos nos compete distribuir, a benefício dos outros, evitando solenizar obstáculos e conflitos, aflições ou desencantos que nos surpreendem a marcha. 

Afinal, para concluir com o autor:

“(…) a única fórmula para o exercício dessa beneficência da paz, em louvor de nossa própria segurança, será sempre esquecer o mal e fazer o bem, porquanto, em verdade, tão somente a criatura consagrada a trabalhar, servindo ao próximo, não dispõe de recursos para entediar-se e nem encontra tempo para ser infeliz.”

Peço ao leitor reler esse destaque final. A afirmação de que “nem encontra tempo para ser infeliz” é muito expressiva, oportuna e nos conclama a constantes exames de consciência…

Orson Peter Carrara

Nota do autor:

Para acessar ambos os capítulos, na psicografia de Chico Xavier, cliquem nos links abaixo e leia na íntegra:
a) Capítulo 66 – Elogios e Críticas:
http://ocaminho.com.br/ocaminho/TXavieriano/Livros/Sg/Sg66.htm
b) Capítulo 67 – Caridade da Paz:
http://ocaminho.com.br/ocaminho/TXavieriano/Livros/Sg/Sg67.htm

Nota do Editor:
Imagem ilustrativa e em destaque disponível em <http://orsonpetercarrara.blogspot.com/2023/05/elogios-e-criticas.html>. Acesso em: 12MAI2023.

Orson Peter Carrara
Orson Peter Carrara

Expositor espírita, tem percorrido muitas cidades do Estado de São Paulo e já esteve na maioria dos estados do país, por várias vezes, para tarefas de divulgação espírita. Articulista da imprensa espírita, tem colaborado com diversos órgãos da imprensa espírita, entre revistas, sites e jornais do país, além de boletins regionais, no país e no exterior. Autor de treze livros, seus textos caracterizam-se pela objetividade e linguagem acessível a qualquer leitor, estando disponibilizados em vários sites de divulgação espírita.

Deixe aqui seu comentário:

Divulgue o cartaz do seu evento espírita.

Clique aqui