118 visualizações

Respostas

fevereiro 12, 2022

O dia era um desses bem ruim. O noticiário, do dia anterior, tinha sido terrível e as possíveis consequências do que acontecia poderiam ser ainda piores. Permiti-me “receber” aquilo tudo e me afundei em tristeza profunda.

Não sou uma pessoa depressiva e nem triste, entendo hoje os mecanismos do chamado padrão vibracional e tento, na medida do possível, melhorá-lo sempre que me percebo mal, e se assim fiquei foi porque alimentei o que de negativo há em mim, afinal se existem fatores externos, como o noticiário daqueles dias, é no meu campo interior que essas coisas reverberam e, se assim acontecem, foi porque eu permiti.

O dia seguiu numa negatividade que só aumentava, mas, o trabalho chamava e lá fui eu para o trabalho na Casa Espírita às 19h. Equipe se reúne, troca umas ideias bobas e frívolas sobre a semana de cada um e lá vamos nós para a abertura dos trabalhos e, antes da prece, uma leitura para uma melhor harmonização, abre-se o livro “ao acaso”.

O livro é o “Caminho, Verdade e Vida” de Emmanuel, psicografado por Francisco Cândido Xavier, capítulo 120 “Zelo próprio” e vejam o trecho final do texto:

“Se já recebeste alguma luz, desvela-­te em não perdê-­la. Intensifica­-a em ti. Lava os teus pensamentos em esforço diário, nas fontes do Cristo; corrige os teus sentimentos, renova as aspirações colocando-as na direção de Mais Alto. Não te cristalizes. Movimenta­-te no trabalho do zelo próprio, pois há “micróbios intangíveis” que podem atacar a alma e paralisá-la durante séculos.”

Pronto, era o que eu precisava ouvir para me recobrar, encontrar, em mim mesmo, as forças e a luz que dissiparia as trevas onde eu estava me enfiando. Se tive um único mérito aquele dia foi o de comparecer ao trabalho mesmo não estando ou me sentindo bem, e eu não estava mesmo, e graças a essa força foi que, ganhei de presente, essa resposta de Emmanuel ao que eu passava no dia.

Gratidão ao meu mentor e o mentor daquele trabalho por perceberem que, naquele momento, esse instrumento aqui não estava assim tão em condições de exercer o seu melhor e, antes do início dos trabalhos, consertaram-me e, lógico, gratidão também à Emmanuel e Chico Xavier que trabalharam, maravilhosamente, por décadas nos deixando um tesouro inestimável.

André Tarifa

Nota do editor:
Imagem ilustrativa e em destaque disponível em <https://www.istockphoto.com/br/foto/o-jovem-de-%C3%B3culos-est%C3%A1-sentado-em-um-sof%C3%A1-e-assistindo-tv-com-not%C3%ADcias-ao-vivo-%C3%A9-gm1212406201-351954870>. Acesso em: 12FEV2022.

André Luis R. Tarifa
André Luis R. Tarifa

Trabalhador espírita desde os 12 anos de idade, eterno aprendiz, tenho um canal no Youtube onde compartilho meu aprendizado e as belezas da poesia. Atualmente desenvolvo os meus trabalhos no Centro Espírita Mansão da Esperança em São Paulo, SP.

Deixe aqui seu comentário:

Divulgue seu evento conosco.
É rápido, fácil e totalmente gratuito!

+ Clique e saiba como